26 C
Salvador
quarta-feira, maio 18, 2022
Home Destaque Presidente da Saltur detalha planos para o verão de Salvador

Presidente da Saltur detalha planos para o verão de Salvador

Com praias diversas e uma atmosfera única, Salvador é uma das cidades mais procuradas no Brasil para quem quer curtir o verão. Segundo a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), no último verão, por exemplo, a cidade registrou mais de 3,5 milhões de turistas entre os meses de dezembro e março.

>> Confira as novidades do verão de Salvador

No entanto, além das belezas naturais, praias e monumentos históricos, a capital baiana também vai atraindo visitantes por outro motivo: as festas do final de ano. A partir deste mês de dezembro, artistas baianos já dão início aos populares ensaios de verão, e por fim a Prefeitura de Salvador oferece gratuitamente cinco dias de festas com grandes atrações no Festival da Virada.

O presidente da Empresa Salvador Turismo (Saltur), Isaac Edington deu entrevista exclusiva ao Portal A TARDE, onde ele comentou sobre as expectativas do município com o Festival da Virada 2020.

“No ano passado nós já superamos os anos anteriores com 480 mil pessoas que vieram exclusivamente para este período do ano novo, para o Festival da Virada. A expectativa da Saltur é que neste ano isso suba para cerca de 500 mil pessoas. Salvador quando decidiu desenvolver o produto na sua plataforma de eventos, não estava pensando no turista vir apenas um dia na cidade e sim ficar a semana inteira para o festival, teve todo um sentido estratégico com isso, e os números estão aí. A gente ocupa 100% da atividade hoteleira da cidade por conta deste evento”, afirmou Isaac.

Com a falta de indústrias na cidade, Salvador se caracteriza por utilizar dos eventos e do turismo para movimentar toda a sua economia. Edington explicou qual o real impacto de todas essas festividades para o município.

“Grande parte da economia da cidade é fruto desta movimentação que acontece principalmente durante o verão. Este é um setor que irriga todos os outros setores da economia, porque afinal de contas, a geração de emprego e renda que esta atividade traz para cidade faz com que as pessoas comprem mais, então aquece até mesmo a indústria. Salvador é uma cidade que tem um perfil econômico de serviços, do comércio e que tudo isso é irrigado pela economia criativa. Então a gente tem trabalhado para fortalecer isso”, disse o presidente da Saltur.

Segundo Isaac, a capital baiana volta a se destacar perante outras cidades em relação ao turismo nacional, principalmente durante o verão.

“Salvador ao longo desses últimos anos tem voltado a ocupar local de destaque no cenário do turismo nacional, sobretudo quando falamos em verão, Festival da Virada, Carnaval. Pesquisas recentes apontam que a cidade é o principal destino do Brasil quando se fala da virada do ano. A gente está muito animado, temos diversas iniciativas de promoção da cidade já acontecendo ao longo dos últimos anos tanto no Brasil quanto fora do Brasil, para mostrar todos os ativos culturais da cidade, seu patrimônio histórico, suas praias, além de todo processo de transformação que a cidade está passando. Isso tudo tem contribuído para que de fato a gente retome posições importantes no cenário turístico e de certa forma já começamos a colher os frutos de todo o trabalho que vai sendo desenvolvido”, ressaltou.

Expectativas para o Carnaval 2020

“A gente já está preparando um Carnaval que certamente será o maior da história da cidade. A gente tem uma diretriz que é valorizar as atrações locais, valorizar a atividade cultural. Buscamos também equilibrar os circuitos da cidade, temos também um carnaval de bairros fortíssimos, ou seja, a gente tem um grande carnaval que a cidade de Salvador consegue produzir, não apenas o carnaval de blocos, mas também o do Afoxé, do rock, do palco multicultural, do Pelourinho. A gente está muito animado, e queremos mais uma vez bater todos os recordes”.

Estratégias usadas para atrair visitantes para a cidade

“A cidade está passando por um processo de requalificação muito grande, de expansão, de desenvolvimento e na parte da infraestrutura, ao mesmo tempo que paralelo a isso tem todo um trabalho, com geração de emprego, de renda, melhora da autoestima da cidade por meio de toda a atividade cultural e da economia criativa. A nossa cidade vive desta economia, Salvador não tem indústrias petroquímicas ou de automóveis, então temos indústria da economia criativa, que é onde você tem o eixo da atuação que tem muito a ver quando você fala em turismo, cultura, gastronomia, entretenimento. A gente tem investido fortemente em atividades relacionadas a esta indústria”.

Iniciativas para fortalecer o Carnaval no Campo Grande

“isso já começou a acontecer nos últimos dois anos, lógico que além dos investimentos que a gente faz questão de fazer para que os circuitos mantenham a tradição, a gente já vê a retomada de algumas personalidades que voltaram a considerar o circuito do Campo Grande. Então até isso também em função desse aquecimento da economia faz povoar ainda melhor e acaba equilibrando mais os circuitos para o Carnaval de 2020”.

Manchas de óleo x turismo

“Essa preocupação é constante, porém, a gente tem tratado junto ao prefeito e toda equipe de infraestrutura da cidade de forma muito pragmática, então foi montado todo um aparato público invejável para ficar monitorando isso, as praias da cidade de Salvador e agindo prontamente para que todo o processo de recuperação e recolhimento de material. A gente está tendo aí, uma altíssima demanda para o Festival da Virada, ou seja, as pessoas estão vindo a Salvador e também já tem procura pro Carnaval. Então se tudo correr como está, o óleo já passou e agora o que vem mesmo é um extraordinário Carnaval”.

Decoração de Natal

“Nos últimos anos temos investido fortemente neste sentido, que não é porque somos uma cidade litorânea que tem atividades no verão, que a gente não possa ser também reconhecida como uma cidade para se passar o Natal e os festejos do fim de ano”.

*Sob supervisão da editora Keyla Pereira

Redação
O A Tarde é um jornal diário brasileiro que circula no estado da Bahia. Fundado por Ernesto Simões Filho,[3][4] é o mais antigo jornal impresso baiano em circulação[5] e um dos mais antigos do Brasil,[4] a qual iniciou-se em 15 de outubro de 1912

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

dois × três =

Últimas Notícias

Artistas baianos levam Carnaval para EUA

Artistas baianos levam o Carnaval de Salvadror para Orlando, nos Estados Unidos (EUA), neste sábado, 7. Entre as atrações estão Harmonia do...

Após sucesso do Carnaval 2020, Camarote Club se prepara para comemorar cinco anos em 2021

Apesar da folia já ter terminado, o clima de alegria ainda é grande entre os organizadores do Camarote Club, situado na região...

Grupo A TARDE amplia o protagonismo na cobertura do Carnaval

O Carnaval de Salvador teve uma completa e ampla cobertura oferecida pelas principais plataformas do Grupo A TARDE ao longo dos sete...

Após jejum de 23 anos, Viradouro é campeã do Carnaval do Rio

A Viradouro é campeã do Carnaval 2020 do Rio. Com o enredo "Viradouro de Alma Lavada", a escola homenageou as Ganhadeiras de...

Cajazeiras tem recorde de público durante Carnaval

O Cajazeiras Folia 2020, realizado entre o sábado, 22, e a terça-feira, 23, superou as expectativas ao atingir recorde de público....

PATROCÍNIO

APOIO